Arbitras FPFS representam o Estado em competições da Conmebol

O sonho de todo atleta é defender a sua Seleção em competições internacionais. Mas, para quem também atua em um departamento onde a excelência é colocada a prova em diversos momentos, o sonho não é diferente.

Aline Nascimento, árbitra FIFA representando o futsal paulista, e Renata, árbitra também com representatividade paulista, foram convocadas  pela Conmebol para competições sul-americanas que começam neste mês: Libertadores Feminino Principal, em Assunção – PAR, e o Campeonato Sudamericano Sub-20 Feminino, em Santiago – CHI.

Para Aline, natural de São Paulo, será a segunda vez em que representará a arbitragem paulista em uma competição internacional. A árbitra apitou jogos na Bolívia neste ano, no XI Jogos Sudamericano COCHA nas categorias principais masculino e feminino, na cidade de Cochabamba – BOL.

“Essas convocações são frutos do trabalho desenvolvido pela FPFS e CBFS, pois sem os jogos daqui nada adiantaria atuar lá. O trabalho tem sido feito pela base, de maneira gradativa, sem pular etapas. É esse trabalho que gera frutos e me dá suporte para enfrentar as responsabilidades diárias, seja em competições estaduais, nacionais e internacionais”, disse Aline, que já apitou as finais da Taça Brasil Sub-20 deste ano, assim como jogos do Estadual Feminino, Estadual A1 e A2, além do Metropolitano A1, A2.

Tendo papel importante nas partidas, as arbitras também recebem auxílio dos instrutores técnicos. O objetivo desses profissionais, nesse caso, é acompanhar o trabalho do árbitro nas competições, consistindo em assistir as partidas, análises e feedbacks. Neste caso, Renata foi convocada para essas funções.

Para chegar a função de instrutora, Renata explica que o árbitro precisa ter feito parte do quadro de arbitragem da FIFA (deixou de ser árbitra FIFA no início do ano), além de cursos de especialização. Contudo, um ponto importante foi destacado por Renata. “É a primeira vez que a Conmebol leva uma instrutora mulher para uma competição. E, nas duas competições, a equipe de trabalho será toda feminina”, destaca a árbitra de 41 anos.

Tanto Aline quanto Renata chegam a primeira competição – Libertadores, no Paraguai -, nesta quinta-feira. O início da competição será no próximo dia 7. Após o torneio, ambas partem para o Sudamericano Sub-20, no Chile, que começa dia 21.

Renata e Aline, árbitras FPFS, foram convocadas para dois campeonatos da Conmebol

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *