COMISSÃO TÉCNICA DA SELEÇÃO BRASILEIRA DE FUTSAL SE REÚNEM PARA TRATAR DAS PRÓXIMAS DATAS FIFA E PROGRAMAÇÕES DA SELEÇÃO

Hoje, 29/09, em meio a pandemia a CBFS – Confederação Brasileira de Futsal, trabalha para a projeção do calendário da Seleção Masculina, visando a manutenção no topo do ranking FIFA e a preparação para a Copa do Mundo FIFA em 2021, que ocorrerá na Lituânia.

O Técnico da Seleção Brasileira Marquinhos Xavier e o auxiliar Ferreti, juntamente com o supervisor Reinaldo Simões, monitoram os atletas na retomada das competições nacionais e internacionais, enquanto o Supervisor Reinaldo Simões estuda juntamente com a Diretoria o melhor calendário possível para a Seleção. O departamento de comunicação da Seleção, bateu um papo com o Marquinhos Xavier, Ferreti e Reinaldo Simões, falando a respeito do monitoramento de atletas e competições no Brasil e no mundo.

Em um breve papo, o treinador Marquinhos Xavier e seu auxiliar Ferrete, comentaram um pouco sobre a atual situação.

“Se por um lado a pandemia atrapalhou a realização dos jogos dentro do Brasil e fora, por outro lado nos deu a oportunidade de seguir um trabalho de monitoramento, que é muito importante, acabamos colocando em prática um projeto que nós tínhamos, de monitorar, não só os as categorias principais, mas montar um banco de dados com atletas mais jovens. Hoje através de um trabalho feito pelo analista de desempenho Rodrigo Carlet, juntamente com a comissão, nós temos um banco de dados de informação com atletas desde os 17 anos, os principais atletas sub17-20, é um desejo que nós tínhamos, de realizar esse monitoramento, verificar aonde estes atletas estão, muitos acabam indo cedo para a Europa, e acabávamos perdendo o controle. Com o retorno do Futsal, nós voltamos a monitorar todos os trabalhos, trabalho este semanal, o Rodrigo Carlet faz toda a junção dos dados/informações dos jogos e vai nos atualizando, para termos uma noção de como os atletas estão atuando. São dados importantes que mantem a seleção sempre atenta a tudo que anda acontecendo, e estamos conseguindo realizar um belo trabalho, e importante ressaltar o trabalho do Rodrigo, nesse momento de pandemia, na questão da organização desses dados, mapeando e monitorando os atletas. Mesmo não tendo jogos, a comissão não parou, para que em breve possamos nós encontrar fisicamente.” Comentou Marquinhos Xavier.

 

Créditos imagem: Yuri Gomes

 

” É com muita alegria que observamos a retomada dos trabalhos da seleção, nós vamos poder reunir o grupo da seleção absoluta nos meses de novembro e dezembro e respectivamente no ano de 2021, já que estamos ao ponto de entrar no ano do mundial. Vamos acompanhar com atenção as Eliminatórias da Ásia, que acontece em dezembro, que poderá sair uma das principais seleções e possíveis adversarias. Isso é ótimo para orientarmos a seleção e os adversários em um futuro próximo.” Finalizou Ferreti.

A CBFS acompanha a situação mundial da (COVID-19) bem como a liberação das fronteiras para que sejam marcados amistosos intercontinentais nas próximas datas FIFA.

Sobre a situação da pandemia e o calendário da seleção Reinaldo comentou “Observamos de perto a questão da liberação das fronteiras para a realização dos jogos da Seleção, sabemos hoje da dificuldade de realização de jogos intercontinentais, devido a não permissão desse intercambio. Ainda em 2020 temos duas datas FIFA e pretendemos nos encontrar com duas grandes escolas do futsal mundial, sendo elas a Argentina e Portugal, porém é necessário cautela devido ao momento que o mundo enfrenta. Já falando um pouco do calendário de 2021, temos convites do continente Europeu, Asiático e Africano, assim pretendemos realizar jogos fora do país, mas não podemos deixar de realizar jogos em nossa casa devido a identificação com o povo Brasileiro. Por isso planejamos também usar uma ou duas datas do começo do ano para a realização dos jogos no Brasil, além de buscar a viabilização de um Grand Prix no final do ano, já para a preparação da Copa do Mundo FIFA estamos apalavrados com a Federação Polonesa, porém devido a pandemia a competição foi adiada, mantemos o contato para que o planejamento siga o mesmo, apesar do adiamento”.

Créditos imagem: Yuri Gomes

Créditos Matéria: CBFS

Créditos Imagem: Gustavo Lima

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *