“ONDE TUDO COMEÇOU”: “Sou da geração do futebol de salão, esfera da bola pesada”.

Ex-bancário e multi-campeão, o homenageado desta sexta-feira do “Onde tudo começou” é Fábio Eduardo Fava, atualmente com 58 anos, o paulista que hoje vive em João Pessoa-PB, conciliava o futsal com a profissão de bancário e venceu diversos títulos ao longo da carreira. Confira:

INÍCIO
“Futebol sempre esteve presente em casa, meu pai Milton Fava foi jogador e treinador e sou o caçula de uma família de 4 filhos (3 homens e 1 mulher), onde meus irmãos Claudinho e Paulinho Boneca , como são conhecidos, foram meus ídolos e exemplos a seguir. O mais interessante que os três jogavam de fixo e sem arrumar confusão com o Paulo o melhor de todos era o Cláudio”, nos contou Fábio.

TÍTULOS
Campeão Pinguinho de Gente; 2x Campeão Torneio Início; Campeão Salão da Criança; 2x Campeão Estadual; 2x Campeão Cidade São Paulo; Campeão Paulista Universitário; Campeão Mundial Universitário; Tri-Campeão Cruzeirão; 2x Campeão Metropolitano; Campeão Brasileiro Taça Brasil.

CLUBES
Colégio Jdim São Paulo, S. E. Palmeiras, AABB, Moinho Água Branca e Alcan.

FORA DAS QUADRAS
“Sou da geração do Futebol de Salão, esfera da bola pesada, naquela época treinávamos só à noite com isso consegui conciliar o futebol com o emprego de bancário”, conta Fábio.

PERSPECTIVA NO ESPORTE
“Futsal já fez mudanças de regras para melhorar o esporte mas não conseguiu ainda chegar no destaque que merece, talvez uma força maior extra quadra para colocar a modalidade nas olimpíadas”, conta Fábio.

HISTÓRIAS
“Uma passagem engraçada ocorreu no campeonato universitário realizado em Goiânia, os atletas do handebol simularam um assalto com o nosso goleiro Paulinho, jogava Banespa, voltando para o alojamento lotado de atletas dê varias modalidades apenas de cueca”, conta o ex-fixo.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *