RAMON: TEM O DNA DO FUTSAL

Nilton Cifuentes Romão, o Ramon, é um destes que nasceu para comandar, para gerir e aceitar desafios.
O ex-jogador de futsal, nasceu em São Paulo, no dia 5 de maio de 1959, é casado e pai de duas filhas. Formado em Administração de Empresas pela PUC-SP e provisionado em Educação Física pela FMU, e hoje está à frente da FPFS (Federação Paulista de Futsal).
DNA da Bola Pesada
Ramon está no comando da entidade desde 2016. O craque das quadras vem demonstrando competência à frente da entidade que viveu momentos de dificuldades financeiras, e hoje passa por uma nova fase na gestão do esporte mais praticado no Brasil.
A responsabilidade e a cobrança são desafios ainda maiores para Ramon na gestão do Futsal Paulista, principalmente pelo fato de estar à frente de uma entidade histórica.
No comando do futsal, Ramon sucedeu grandes nomes que emprestaram os seus serviços em nome do Futsal.
Habib Maphuz é um dos nomes que mais se destacou nos primeiros momentos do futebol de salão. Maphuz era professor da ACM de São Paulo e no início dos anos cinquenta participou da elaboração das normas para a prática de várias modalidades esportivas, sendo uma delas o futebol jogado em quadras, e se tornou o primeiro presidente da Federação Paulista de Futebol de Salão.
No mês de março de 2020, Nilton Cifuentes Romão, foi empossado para continuar no comando da entidade por mais um período de quatro anos, e com muitos planos para transformar a Bola Pesada e colocá-la em seu devido lugar.
Ramon e a história nas quadras
Ramon jogou no Palmeiras, Corinthians, GERCAN, AABB-SP e defendeu as seleções Paulista e  Brasileira.
Conquistou o Campeão Brasileiro de Seleções, Campeão Brasileiro e Sul-Americano. Foi Tetra campeão Estadual, hexacampeão da Taça São Paulo, Tricampeão Brasileiro Universitário, vencedor de três “Tênis de Ouro? (melhor atleta do Campeonato) e destaque como melhor atleta Universitário.
Ramon, craque da Bola Pesada e está na história do Futsal. É um destes que tenho muito orgulho de chamar de um grande amigo nestes mais de 30 anos de jornalismo.  

Confira esta matéria no link abaixo:

http://coisasboasdoesporte.blogspot.com/2020/03/ramon-tem-o-dna-do-futsal.html?m=1

 

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *